Dpjo

Ary dos Santos Pinto

|Adilson Ramos|

Quando eu cursava o Programa de Mestrado em Ortodontia da FOBauru-USP, tive a oportunidade de conhecer o Prof. Ary dos Santos Pinto. Foi quando ele estava participando como convidado de uma banca de defesa de Mestrado. Impressionou-me a sua forma de dirigir-se ao candidato, por sua extremada educação ao perguntar, humildade em partilhar seus conhecimentos, bem como respeito ao momento tão particular que é uma defesa de pós-graduação. Cerca de 6 anos depois, tive a felicidade de cursar o programa de Doutorado na FOAraraquara-UNESP, coordenado pelo professor Ary. Além do aprendizado técnico-científico, pude aprender e amadurecer com os professores daquele programa, pela forma amistosa de compartilhar o conhecimento e suas experiências. Especialmente o Professor Ary continuava a destacar-se pela gentileza no seu modo de lidar com todos. A sala dele sempre estava cheia de alunos ávidos por conhecimento, mas além disto, tranqüilos por saberem que mesmo se passasse do horário de trabalho, ele permaneceria lá com a mesma paciência para atender a todos. Sua carreira acadêmica há pouco tempo ganhou mais um importante degrau, a Livre-Docência, em cujo concurso desempenhou com brilhantismo os requisitos exigidos. Sua excelente formação científica foi reforçada pelo amadurecimento adquirido no período em que passou por Dallas e Seattle nos EUA. Esta entrevista em que participaram os ex-alunos Adriano Marotta Araujo, Ricardo Sampaio de Souza, Daltro Enéas Ritter, Paulo César Ravelli Chiavini, Roberto Hideo Shimizu, bem como o amigo e professor Dirceu Barnabé Raveli, aborda um pouco do que pôde pesquisar em suas andanças acadêmicas, bem como de sua ampla experiência clínica. Obrigado professor Ary dos Santos Pinto por aceitar prontamente o convite da Revista Dental Press de Ortodontia e Ortopedia Facial e dividir um pouco de seu vasto conhecimento!

Palavras-chave: |Entrevista|

Wednesday, February 19, 2020 01:06