Endo

Metamorfose cálcica da polpa e Necrose pulpar asséptica: diagnóstico diferencial do escurecimento dentário

Alberto consolaro, Leda A. Francischone, Renata Bianco Consolaro, João Batista Gagno Intra, Armelindo Roldi

A cor natural dos dentes é amarelada e sua tonalidade varia de dente para dente em um mesmo paciente e, muito mais ainda, de paciente para paciente. Além das tonalidades de amarelo consideradas normais, alguns matizes se apresentam e passam a ser considerados verdadeiras alterações anormais ou patológicas da cor dos dentes: excessivamente amarelados, acastanhados, azulados, acinzentados e até enegrecidos.

Como citar: Consolaro A, Francischone LA, Consolaro RB, Intra JBG, Roldi A. Calciic metamorphosis and aseptic necrosis of the pulp: Differential diagnosis of tooth discoloration. Dental Press Endod. 2011 July-Sept;1(2):11-20.

Friday, November 24, 2017 22:18