Endo

Comparação entre achados clínicos, histológicos e radiográficos em dentes com lesão periapical radiolúcida

Viviane Matsuda, Ana Carolina N. Kadowaki, Simony Hidee Hamoy Kataoka, Celso Luiz Caldeira

Introdução: a inflamação pulpar e a necrose, eventualmente, produzem mudanças perirradiculares ou patologias apicais, as quais são, clínica e radiograficamente, sugestivas de sequela inflamatória. Objetivo: comparar o grau de concordância entre os diagnósticos dos dentes com lesões periapicais e as análises histopatológicas. Métodos: foram selecionados 59 pacientes com dentes apresentando lesões com indicação cirúrgica. Por meio da análise radiográfica, observou-se o aspecto e mensurou-se o tamanho dessas lesões e formulou-se uma hipótese de diagnóstico. Os cortes histológicos foram analisados com microscópio e os espécimes classificados como granuloma, cisto ou abscesso crônico. Resultados: os resultados mostraram 40,68% de concordância entre os diagnósticos clínico-radiográfico e histológico. Histologicamente, 35,59% eram granulomas; 59,32%, lesões císticas e 5,09%, abscessos crônicos. Conclusão: portanto, conclui-se que apenas através do exame clínico-radiográfico não é possível confirmar o diagnóstico das lesões observadas, pois, mesmo imagens consideradas císticas, podem ser decorrentes de abscessos ou granulomas, e o contrário também pode ocorrer.

Palavras-chave: Diagnóstico bucal. Patologia bucal. Radiografia.

Como citar: Matsuda V, Kadowaki ACN, Kataoka SHH, Caldeira CL. A comparison of clinical, histological and radiographic findings in periapical radiolucid lesions. Dental Press Endod. 2011 Oct-Dec;1(3):17-21.

Tuesday, November 21, 2017 09:38