Endo

Fratura incomum de broca Gates Glidden

Fausto Rodrigo Victorino, Renata Fernandes

Objetivo: o objetivo desse trabalho foi comparar, qualitativa e quantitativamente, a presença de matéria orgânica em limas endodônticas depois de utilizadas, descontaminadas e esterilizadas. Métodos: foram usadas 30 limas tipo K #30, das quais 5 serviram como grupo controle positivo e 5 como negativo. Instrumentaram-se 10 molares suínos pela técnica Crown-Down, inserindo uma lima por canal num total de 25 limas. As limas do grupo 1 (n=10) foram esterilizadas em autoclave. As limas do grupo 2 (n=10) foram colocadas em banho de ultrassom com solução enzimática e posteriormente esterilizadas em autoclave. As do grupo 3 (n=5) foram utilizadas, mas não foram esterilizadas; e as do grupo 4 (n=5) não foram utilizadas nem esterilizadas. As limas experimentais e de controle foram posteriormente coradas com solução de Van Gieson, observadas ao microscópio óptico e atribuído um valor representativo da quantidade de matéria orgânica ainda existente na lima, de acordo com uma escala previamente estabelecida. Essa quantificação foi realizada nos terços apical, médio e cervical da parte ativa de cada lima, e foram elaboradas tabelas comparativas entre os diferentes grupos. Resultados: os resultados demonstraram que ambos os grupos experimentais apresentaram resultados significativamente inferiores aos das limas do grupo controle positivo. Conclusão: comparando-se os grupos experimentais, as limas imersas em banho de ultrassom com solução enzimática apresentaram valores inferiores aos daquelas que não foram submetidas a esse procedimento.

Palavras-chave: Endodontia. Tratamento do canal radicular. Zona de fratura.

Como citar: Victorino FR, Fernandes R. Uncommon fractures of Gates Glidden bur. Dental Press Endod. 2012 Jan-Mar;2(1):42-5.

Tuesday, November 21, 2017 09:45