Endo

Limas endodônticas: esterilizar ou descartar?

Manuel Marques Ferreira, Andre Luiz da Costa Michelotto, Ana Rita Alexandre, Rodolfo Morganho, Eunice Virginia Palmeirão Carrilho

Introdução: o PCO (pulp canal obliteration) é definido como uma deposição de tecido mineralizado no espaço dos canais radiculares. Tais tecidos podem, eventualmente, produzir uma imagem radiográfica que sugere canais radiculares parcial ou completamente calcificados. O sucesso no tratamento endodôntico é baseado no devido debridamento, desinfecção e obturação dos sistemas de canais radiculares. Entretanto, tal objetivo pode ser sobremaneira dificultado ou mesmo impossível de se atingir em casos de PCO. Do tratamento endodôntico realizado nessas circunstâncias emerge o risco de perfuração radicular, uma complicação que afeta seriamente o prognóstico do tratamento. Objetivo: o presente artigo discute uma série de casos clínicos em dentes portadores de PCO, assim como técnicas endodônticas contemporâneas utilizadas para a resolução desses casos.

Palavras-chave: Endodontia. Príons. Controle de infecções dentárias. Síndrome de Creutzfeldt-Jakob.

Como citar: Ferreira MM, Michelotto ALC, Alexandre AR, Morganho R, Carrilho EVP. Endodontic files: Sterilize or discard? Dental Press Endod. 2012 Jan-Mar;2(1):46-51.

Tuesday, November 21, 2017 09:50