Endo

Qualidade dos remanescentes radiculares de dentes tratados endodonticamente com retentores intrarradiculares

Heloísa Helena Pinho Veloso, Felipe Cavalcanti Sampaio, Ive da Silva Monteiro, Mariana de Lima Dias

Objetivo: avaliar a qualidade dos remanescentes radiculares de dentes tratados endodonticamente com retentores intrarradiculares. Métodos: esse estudo retrospectivo avaliou os prontuários de todos os pacientes atendidos na Clínica Integrada da Faculdade de Odontologia da Universidade de Pernambuco, no período de 2006 a 2007, que fossem portadores de retentores intrarradiculares, perfazendo um total de 78 pacientes. Dois avaliadores avaliaram os dados referentes aos retentores intrarradiculares e ao remanescente radicular. Resultados: dos 99 dentes avaliados, o comprimento do retentor foi menor que 2/3 do comprimento da raiz em 86,87%, e o diâmetro do retentor estava inadequado em 31,31%, 20,20% e 11,11% nos terços cervical, médio e apical, respectivamente. Em 51,51% dos casos havia espaço entre a obturação e o retentor, e o remanescente de obturação foi considerado satisfatório na maioria dos casos, com média de 6,1mm. Oito casos apresentaram desvios no preparo do canal para o retentor. Conclusão: os dentes tratados endodonticamente e reabilitados por meio de retentores intrarradiculares não seguiram os princípios recomendados.

Palavras-chave: Retentor intrarradicular. Obturação do canal radicular. Reabilitação bucal.

Como citar: Veloso HHP, Sampaio FC, Monteiro IS, Dias ML. Quality of reminiscent root in endodontically treated teeth with intraradicular retainers. Dental Press Endod. 2012 Apr-June;2(2):59-63.

Tuesday, November 21, 2017 09:57