Endo

Comparação da alteração do pH da pasta de hidróxido de cálcio associada a diferentes veículos

Lucas Felipe Moreira da Cunha, Igor Fernando Ribeiro Ehlers, Sérgio Henrique Staut Brunini

Introdução: destaca-se na ação do hidróxido de cálcio o efeito antimicrobiano exercido por sua capacidade de alcalinizar o pH, propriedade, essa, influenciada pelas associações a outras substâncias, como a clorexidina gel a 2% e o óxido de zinco, que prolongam a ação da mistura. Objetivo: avaliar se a pasta de hidróxido de cálcio associada a clorexidina gel e óxido de zinco seria capaz de promover alterações no pH em curtos intervalos de tempo. Métodos: três pastas de hidróxido de cálcio com os veículos soro fisiológico (pasta A), propilenoglicol (pasta B) e clorexidina gel a 2% e óxido de zinco (pasta C) foram inseridas em frascos contendo 15ml de água deionizada, para verificar, com o auxílio de um pHmetro, a alteração nos níveis de pH promovida pelas associações em 7 intervalos de tempo: 15 e 30 minutos; 1, 24 e 48 horas; e 7 e 14 dias. Resultados: as três pastas apresentaram uma rápida elevação nos valores do pH nos períodos iniciais e se mantiveram relativamente estáveis, em torno de 12, a partir do período de 24 horas até os 7 dias; após esse período as pastas A e B reduziram seu pH ao nível de 9.50, enquanto a pasta C manteve seu pH em 12. Conclusão: as pastas A e B apresentaram maior velocidade na alcalinização da solução, enquanto a pasta C manteve um pH elevado por um período de tempo mais longo; contudo, não houve diferença estatisticamente significativa.

Palavras-chave: Hidróxido de cálcio. Concentração de íons de hidrogênio. Endodontia.

Como citar: Cunha LFM, Ehlers IFR, Brunini SHS. Comparison of changes in the pH of calcium hydroxide pastes associated with different vehicles. Dental Press Endod. 2013 Sept-Dec;3(3):32-5.

Wednesday, April 21, 2021 01:47