Endo

Diversidade bacteriana nas infecções endodônticas primárias e secundárias/persistentes através da técnica de Checkerboard DNA-DNA Hybridization

Marcos Sergio Endo, Erica Reginato Cardoso, Nair Narumi Orita Pavan, Carlos Alberto Herrero de Morais, Frederico Canato Martinho

Introdução: os métodos moleculares de diagnóstico apresentam como uma das principais vantagens a detecção de microrganismos por meio do DNA bacteriano, levando a uma caracterização microbiana mais acurada. Objetivo: o presente estudo visou investigar a diversidade bacteriana presente nas infecções endodônticas primárias e secundárias/persistentes, comparando o perfil das comunidades microbianas existentes antes e após a terapia endodôntica. Métodos: as amostras microbiológicas foram coletadas antes (T1) e após terapia endodôntica (T2), utilizando cone de papel estéril/apirogênico em dentes com infecções endodônticas primárias (n = 10) e secundárias / persistentes (n = 10). A presença e os níveis de 40 espécies bacterianas nas infecções endodônticas foram investigados por meio da técnica de Checkerboard DNA-DNA Hybridization. Resultados: nas infecções endodônticas primárias em T1, as espécies encontradas em maiores níveis foram P. micra, F. nucleatum sp. nucleatum, S. constellatus, P. gingivalis, G. morbillorum, P. endodontalis, T. denticola, P. acnes, S. gordonii, S. mitis, V. parvula e C. rectus. Em T2, as bactérias mais encontradas foram P. micra, S. oralis e P. acnes. Nas infecções endodônticas secundárias em T1, as espécies mais frequentemente encontradas foram P. acnes, P. micra, S. constellatus, G. morbillorum, C. rectus, A. naeslundii, S. mitis e S. oralis. Em T2, as espécies mais encontradas foram Enterococcus faecalis e Propionibacterium acnes. Conclusão: o presente estudo confirmou comunidades microbianas distintas em infecções endodônticas primárias e secundárias. Além disso, os procedimentos clínicos endodônticos mostraram-se eficazes na redução significativa da prevalência, dos níveis de detecção e na diversidade bacteriana.

Palavras-chave: Endodontia. Bactérias. Cavidade Pulpar.

Como citar: Endo MS, Cardoso ER, Pavan NNO, Morais CAH, Martinho FC. Bacterial diversity in primary and secondary/persistent endodontic infections by Checkerboard DNA-DNA Hybridization Technique. Dental Press Endod. 2017 May-Aug;7(2):61-6. DOI: https://doi.org/10.14436/2358-2545.7.2.061-066.oar

Tuesday, November 21, 2017 09:55