Endo

Uso de ultrassom e laser na descontaminação do sistema de canais radiculares: revisão de literatura

Claudia Luísa Ribeiro Ferreira, Felipe Nogueira Anacleto, Carlos Henrique de Sales Dias Santos, Alexandre Dantas Vieira, Rodrigo Vance

O maior obstáculo para o sucesso do tratamento endodôntico é a eliminação da microbiota instalada. A instrumentação mecânica, bem como as substâncias químicas auxiliares, é utilizada para eliminação dessa microbiota. Além das soluções irrigantes, outras técnicas complementares, como a agitação ultrassônica passiva (PUI) e o laser, estão sendo utilizadas para otimizar a eliminação dos microrganismos. Desse modo, o presente estudo objetivou o levantamento bibliográfico de diferentes tipos de agitação dos irrigantes no tratamento endodôntico. A PUI tem sido sugerida como um meio para melhorar o desbridamento do canal. Já o laser tem sido utilizado por apresentar vantagens terapêuticas ao tratamento. Todas as técnicas citadas para melhorar a limpeza dos canais radiculares mostraram alguma melhora. A técnica mais empregada ainda é a agitação ultrassônica, por apresentar eficiência e praticidade no procedimento. Pôde-se concluir que a diminuição da microbiota é mais eficiente quando se utiliza uma maior concentração da solução irrigadora, independentemente da agitação final de escolha.

Palavras-chave: Ultrassom. Lasers. Controle de infecções dentárias. Ultrassom.

Como citar: Ferreira CLR, Anacleto FN, Santos CHSD, Vieira AD, Vance R. Use of ultrasound and laser in root canal decontamination: literature review. Dental Press Endod. 2017 Sept-Dec;7(3):27-33. DOI: https://doi.org/10.14436/2358-2545.7.3.027-033.lit

Saturday, January 20, 2018 22:47