Jbcoms

Afastador autoestático de Wilkes: modificação técnica

Paulo Afonso de Oliveira Jr, Armando de Barros, Pérsio Azenha Faber, Danilo Dressano, Felipe Calile Franck, Fernando Afonso de Oliveira

Introdução: a artrotomia, também denominada cirurgia aberta das articulações, quando aplicada à articulação temporomandibular (ATM) tem suas indicações atreladas a pré-requisitos e protocolos clínicos prévios, sendo necessária quando se esgotam os recursos de tratamento conservadores. Clyde H. Wilkes, além de propor uma classificação para o estadiamento das patologias articulares, foi responsável por desenvolver um afastador autoestático para cirurgias abertas da ATM que, quando ativado, propicia o aumento do espaço articular. Devido à dificuldade técnica para a instalação transoperatória no seu desenho original, essa ferramenta atualmente caiu em desuso. Métodos: após confecção de dois protótipos, chegamos a um desenho final que se mostrou efetivo para aplicação clínica. Realizamos procedimentos abertos das ATMs com e sem o uso do afastador de Wilkes modificado, a fim de comparar o tempo cirúrgico e os resultados pós-operatórios. Resultados: foi observado que os procedimentos cirúrgicos de artrotomia das ATMs em que se utilizou o afastador de Wilkes modificado sofreram redução do tempo total, além de melhor visualização das estruturas articulares. Conclusão: observou-se que a modificação técnica aqui proposta diminui o tempo dos procedimentos de artrotomia das ATMs, com menor risco

Palavras-chave: Articulação temporomandibular. Transtornos da articulação temporomandibular. Procedimentos cirúrgicos bucais. Duração da cirurgia.

Como citar: Oliveira Jr PA, Barros A, Faber PA, Dressano D, Franck FC, Oliveira FA. Afastador autoestático de Wilkes: modificação técnica. J Braz Coll Oral Maxillofac Surg. 2017 maio- -ago;3(2):31-4. DOI: https://doi.org/10.14436/2358-2782.3.2.031-034.oar

Sunday, September 24, 2017 21:43