Rcodp

Verticalização de molares com auxílio de mini-implantes: possibilidades biomecânicas

Luiz Henrique Previdente, Edson Yoshihiro Mada, Eduardo Mori de Oliveira, Celso Garcia Rodriguez, Hideo Suzuki

A ausência dos primeiros molares por um longo período, causada por perda precoce, leva à angulação mesial dos segundos molares. Nesses casos, a verticalização é necessária para a reabilitação bucal. Outro fator etiológico existente é a falta de espaço na região posterior, que leva à impacção do segundo molar, tornando necessária sua verticalização. Os dispositivos de ancoragem dentossuportados para verticalização promovem efeitos colaterais. Já o uso dos mini-implantes ortodônticos torna a verticalização mais simples, previsível e com menos efeitos colaterais. O presente trabalho tem como objetivo demonstrar, por meio de casos clínicos e ilustrações, possibilidades biomecânicas para se realizar a verticalização de molares com o auxílio de mini-implantes. Palavras-chave: Verticalização de

Palavras-chave: Verticalização de molares. Mini-implantes ortodônticos. Ancoragem esquelética.

Como citar: Previdente LH, Mada EY, Oliveira EM, Rodriguez CG, Suzuki H. Verticalização de molares com auxílio de mini-implantes: possibilidades biomecânicas. Rev Clín Ortod Dental Press. 2017 Ago-Set;16(4):41-51. https://doi.org/10.14436/1676-6849.16.4.041-051.art

Tuesday, September 19, 2017 17:40