Endo

Prevalência de granulomas, abscessos e cistos periapicais em inflamações de origem endodôntica

Luisa de Mello Florentino Guedes, Orlando Aguirre Guedes, Marcus Vinícius Corrêa da Costa, Artur Aburad de Carvalhosa, Cyntia Rodrigues de Araújo Estrela, Carlos Estrela

Introdução: a necrose do tecido pulpar seguida da colonização e infecção do canal radicular representa eventos determinantes na instalação, desenvolvimento e perpetuação da periodontite apical. Objetivo: avaliar a prevalência dos diferentes tipos de lesões inflamatórias periapicais de origem endodôntica. Métodos: a amostra do estudo foi proveniente da revisão de laudos histopatológicos de 805 espécimes cirúrgicos encaminhados ao Serviço de Patologia Bucal do Laboratório Público do estado de Mato Grosso, Brasil, entre os anos de 2008 e 2014. Os seguintes dados foram coletados dos laudos de cada paciente: gênero, faixa etária, grupo dentário, localização anatômica e diagnóstico histopatológico (granuloma periapical, abscesso periapical e cisto radicular). A análise estatística dos dados incluiu distribuição de frequência e teste de associação. A significância estatística para a associação entre as variáveis foi determinada pelo teste qui-quadrado. O nível de significância estabelecido foi de p < 0,05. Resultados: observou-se maior frequência de lesões periapicais em indivíduos do gênero masculino (n = 405; 50,31%) e com idade entre 21 e 30 anos (n = 212; 26,34%). Os dentes mais comumente envolvidos foram os molares inferiores (n = 293; 36,40%), seguidos pelos molares superiores (n = 213; 26,46%). O granuloma periapical (n = 458; 56,89%) foi a lesão inflamatória periapical mais prevalente. Foram observadas associações significativas entre tipo de lesão periapical e localização anatômica (p < 0,05). Conclusões: verificou- se maior ocorrência de lesões periapicais em indivíduos do gênero masculino; a faixa etária mais acometida foi entre 21 e 30 anos; o granuloma periapical foi a lesão mais comumente diagnosticada, sendo os dentes localizados na região posterior da mandíbula os mais afetados.

Palavras-chave: Periodontite periapical. Diagnóstico. Epidemiologia. Granuloma periapical.

Como citar: Guedes LMF, Guedes OA, Costa MVC, Carvalhosa AA, Estrela CRA, Estrela C. Prevalence of granulomas, abscesses and periapical cysts in inflammations of endodontic origin. Dental Press Endod. 2018 Sept-Dec;8(3):41-6. DOI: https://doi.org/10.14436/2358-2545.8.3.041-046.oar

Saturday, March 23, 2019 03:16