Jbcoms

Cirurgias de fissura labiopalatina: relato da experiência de 7 anos no Centrinho Imperatriz/MA

Lêonilson Gaião, Thainá Barroso Pinheiro de Souza, Raurício Vital Mendes, Patrícia Figueiredo de Macêdo

Objetivo: quantificar as frequências de tipos de cirurgias realizadas nos pacientes com fissura labiopalatina no período de setembro de 2008 a julho de 2015, no Centrinho Imperatriz. Métodos: realizou-se um estudo retrospectivo, baseado em 226 descrições cirúrgicas dos prontuários de pacientes submetidos a procedimentos cirúrgicos para a reabilitação de fissura labiopalatina. Resultados: em relação às cirurgias realizadas: a) 119 pacientes eram do sexo masculino; b) 66 possuíam fissura transforame unilateral esquerda; c) a média de idade foi de 11,14 anos; d) entre as anomalias, as mais frequentes foram aquelas associadas aos olhos e ouvidos; e) 2014 foi o ano com maior número de cirurgias (n = 47); f) entre as cirurgias realizadas, a palatoplastia primária foi a mais frequente (n = 86), seguida pela queiloplastia unilateral (n = 61), fechamento de fístula buconasal (n = 34) e outros procedimentos cirúrgicos (n = 45), como enxerto ósseo alveolar, palatoplastia secundária, queiloplastia bilateral e revisão de nariz. Conclusão: de acordo com os resultados obtidos, pode-se concluir que: 1) houve uma leve preponderância de pacientes do sexo masculino; 2) pacientes com diagnóstico de fissura transforame unilateral esquerda foram mais frequentes; 3) as cirurgias mais prevalentes foram as palatoplastias; e 4) as queiloplastias e palatoplastias foram mais realizadas do que as cirurgias secundárias.

Palavras-chave: Fissura palatina. Fenda labial. Cirurgia bucal.

Como citar: Gaião L, Souza TBP, Mendes RV, Macêdo PF. Cleft lip and palate surgeries: Report of 7-year experience in Centrinho Imperatriz/MA (Brazil). J Braz Coll Oral Maxillofac Surg. 2018 Sept-Dec;4(3):37-41. DOI: http://dx.doi.org/10.14436/2358-2782.4.3.037-041.oar

Saturday, March 23, 2019 19:27