Rcodp

Protocolo diferencial para a técnica MARPE em pacientes com variação no volume ósseo do palato

Sérgio Elias Neves Cury, Adriano Lia Mondelli, Cristiane Barros André, Walter Iared, José Gregório Pelayo Guerra, Jessica Rovira, Laila Berni

INTRODUÇÃO: A expansão rápida da maxila assistida por mini-implantes (MARPE) vem sendo a principal opção de tratamento ortopédico transversal da maxila para pacientes adultos jovens, que já atingiram determinada maturação esquelética. A fina espessura óssea na região palatal é uma das limitações da técnica. OBJETIVO: o propósito do atual artigo é apresentar, por meio de dois casos clínicos, uma alternativa para essa situação, com a modificação do protocolo para técnica MARPE, utilizando dois mini-implantes adicionais na região anterior do palato. RESULTADO: observou-se disjunção significativa da sutura palatina mediana com o disjuntor modificado. CONCLUSÃO: os casos aqui apresentados sugerem que os passos clínicos utilizando o protocolo proposto mostraram- se eficazes para expansão esquelética da maxila em paciente adulto jovem com pouca espessura óssea na região palatal, oferecendo uma solução menos invasiva e menos onerosa do que a expansão cirurgicamente assistida, atual padrão-ouro para esse tipo de tratamento.

Palavras-chave: Ortodontia corretiva. Técnica de expansão palatina. Tomografia computadorizada de feixe cônico. Procedimentos de ancoragem ortodôntica. Parafusos ósseos.

Como citar: Cury SEN, Mondelli AL, André CB, Iared W, Guerra JGP, Rovira J, Berni L. Protocolo diferencial para a técnica MARPE em pacientes com variação no volume ósseo do palato. Rev Clín Ortod Dental Press. 2019 Ago-Set;18(4):116-29. DOI: https://doi.org/10.14436/1676-6849.18.4.116-129.art

Sunday, September 15, 2019 21:33