Dpjo

Distúrbios Irruptivos na Região Ântero-superior: Abordagem Multidisciplinar

|Omar Gabriel da Silva Filho|Josenira Borges Dias|Arlete Oliveira Cavassan|Izabel Maria Marchi Carvalho|Maria Fidela de Lima Navarro|Miryam Schucka|

Esse artigo dá continuidade a uma série de publicações voltadas para o diagnóstico bem como o tratamento das irregularidades irruptivas dos incisivos permanentes. No presente artigo discute-se um ângulo novo de abordagem: as irregularidades na irrupção dos dentes ântero-superiores atribuídas e ou associadas a uma lesão radiolúcida compatível com cisto diagnosticada durante o primeiro período transitório da dentadura mista. Essa irregularidade odontogênica se faz acompanhar de dilaceração radicular do dente 11, diagnosticada após o tracionamento do mesmo, e de uma irrupção ectópica que redundou na transposição dentária real entre os dentes 13 e 12. O incisivo central foi tracionado (irrupção forçada, controlada mecanicamente, em campo fechado) após a marsupialização do cisto, a transposição dentária foi preservada durante o acompanhamento e a mecanoterapia ortodôntica na dentadura permanente. Como finalização, recorreu-se à dentística cosmética, restaurando a estética com a reconstrução dos dentes 13 e 12. Ambas as especialidades - diga-se de passagem, indispensáveis e com instrumentos e tempos operacionais diversos - uniram-se a serviço da recuperação da região anterior superior. Seu ponto de convergência está na estética.

Palabras Clave: |Má oclusão|caso clínico|irrupção ectópica|ortodontia interceptiva|

lunes, 14 de octubre de 2019 08:33